Tabela das cores e sua aplicação terapêutica - AZUL



Diante de uma tabela de cores e sua aplicação terapêutica, sempre temos que levar em consideração as preferências, que mudam muito a indicação e a aplicabilidade de determinadas cores em uma terapia com luzes e cores. Vai depender muito da energia que se está querendo trabalhar. As cores azul e verde são as preferidas e mais utilizadas para projeção de luz e cores em cabines de tratamento cromoterápico; pode-se iniciar uma terapia com essas cores e, durante a sessão, utilizar o rosa e o violeta, para trazer mais afetividade para o momento e transmutar as energias densas. Na fase de encerramento de um atendimento, as cores amarela e laranja são muito bem ­indicadas, para despertar, ativar e trazer a pessoa de volta para o aqui e agora, pois em um atendimento, muitas vezes, a pessoa entra em relaxamento profundo, através da projeção de luzes e cores, e no fechamento, cores vibrantes, como amarelo, laranja e azul-turquesa, trazem de volta a pessoa, tornando-a mais ativa e presente.

Vamos discorrer um pouco sobre as indicações terapêuticas e outras peculiaridades dessas cores citadas como preferidas e também sobre as rejeitadas.

O azul é uma cor considerada sedativa, analgésica e calmante. Traz a sensação de paz, relaxamento e serenidade. Atua no Sistema Nervoso Central, proporciona sensação de frescor e é adstringente. Excelente para vitalizar as glândulas tireoide e paratireoide, bem como os órgãos da garganta e do sistema respiratório. Indicada para inflamações, como febre, amigdalite, faringite, queimaduras, nervosismo e insônia. A cor azul é contraindicada para depressão, fadiga e resfriados.

O azul se apresenta de diferentes formas, dentre elas: azul-anil, azul-bebê, azul-brilhante, azul-caribe, ­azul-celeste, azul-claro, azul-cobalto, azul da Prússia, azul de genciana, ­azul-desmaiado, azul-egípcio, azul-elétrico, ­azul-esverdeado, azul-jeans, azul-lápis-lazuli, azul-lavanda, azul-magenta, azul-mar, azul-noite, azul-oriental, azul-pastel, azul-petróleo, ­azul-piscina, e outras cores que têm ligação frequencial com o azul, como o índigo, o turquesa e o azul-esmeralda.

Desde que foram tiradas fotos da Terra, ela passou a ser chamada de Planeta Azul. A água é transparente, sem cor, mas os mares e os rios, quanto mais profundos forem, mais azuis suas águas parecerão, pois, com o aumento da profundidade, todas as cores se dissolvem no azul. Hoje, dentro do estudo das cores, se sabe que o azul é gerado pela reprodução infinita de qualquer material transparente, como o azul do céu; por isso é considerada a cor das dimensões ilimitadas. Em uma terapia holística, quando se trabalha em várias dimensões e frequências altas, quando o ambiente todo é envolvido na cor azul, propicia o acesso a essas esferas mais sutis e espirituais.

A tinta mais cara do mundo, cujo litro custa cerca de 15.400 euros, é da cor azul-ultramarinho, conhecido pelos ­pintores como azul-luminoso. Para a produção dessa cor, é utilizado o pigmento de uma pedra semipreciosa, o lápis-lazuli, pedra de um azul-profundo com veios brancos e dourados. Os quadros mais caros da Idade Média eram avaliados pela quantidade de azul-ultramarinho presente nas telas.

A cor azul foi usada através dos tempos com os mais diversos significados, como: azul de raiva; azul de fome; azul de susto; azul de frio; olhar o mundo com olhos azuis, que seria ver tudo de forma bela e positiva ou, ainda, de forma ingênua. O azul também é considerado a cor da saudade; na Alemanha, chamam as histórias mentirosas de fábulas azuis; quando está tudo azul, está tudo bem, tudo ótimo.

O azul, por ter uma frequência vibracional adstringente, por sua projeção, tem uma energia de limpeza e uma ação frequencial bactericida. Vários tipos de micróbios, observados por microscópio, se afastam dos feixes de cor azul projetados na lâmina, decorrendo daí a adoção do azul em salas de cirurgia e corredores de hospitais.

Apesar de ser considerada uma cor fria, o azul, quando presente em ambientes fechados, dá uma sensação de amplitude e tranquilidade. Meditar sobre uma abóboda azul-celeste proporciona momentos de relaxamento e repouso mental, acalma as mentes agitadas e estressadas.


TRECHO RETIRADO DO LIVRO DE LÍGIA POSSER: CROMOFLUIDOTERAPIA - TOQUES QUÂNTICOS ATRAVÉS DAS LUZES E CORES


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square